Banner Ad

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

IFRN LANÇA EDITAL DE CURSO A DISTÂNCIA PARA ALUNOS DO 9º ANO DE ESCOLAS PÚBLICAS

A Pró-Reitoria de Ensino do IFRN (Proen) divulgou na tarde de ontem o Edital 10/2017, referente ao Programa de Iniciação Tecnológica e Cidadania (ProITEC). O Programa é voltado exclusivamente a estudantes da rede pública de ensino, com o objetivo de reforçar a aprendizagem relativa ao ensino fundamental. "O material didático recebido pelos inscritos e a prova que eles fazem também serve de preparação para o processo seletivo que dá acesso aos cursos técnicos integrados de nível médio do IFRN", explicou o coordenador de Acesso Discente da Instituição, professor Everaldo Pereira.
Acesso Discente da Instituição, professor Everaldo Pereira.

Podem se inscrever os estudantes que estão cursando o 9º ano e fizeram todo o ensino fundamental em escola pública. O período de inscrição começa no dia 20 de fevereiro, às 14h, e segue até as 22h do dia 16 de março. As inscrições são feitas exclusivamente pela internet, no site http://processoseletivo.ifrn.edu.br, mas os estudantes que não tiverem acesso podem se dirigir até um campus do IFRN para se inscrever.

COMO RECEBER O MATERIAL DIDÁTICO?

Todos os estudantes inscritos no ProITEC devem confirmar a inscrição, entre os dias 3 e 7 de abril de 2017, no campus para o qual se inscreveu, o que garantirá o recebimento do material didático. Para confirmar a inscrição, é necessário entregar a seguinte documentação:
a) uma foto 3x4 recente; 
b) documento de identificação, em conformidade com o item 6, registrado no ato da inscrição (fotocópia e original); 
c) comprovante de pagamento da taxa de inscrição (fotocópia e original); 
d) a certidão/declaração escolar que comprove a escolaridade (fotocópia e original) – modelo no Anexo III deste Edital –, para a condição referida no item 3, alínea “a”; 
e) o Histórico Escolar do Ensino Fundamental (fotocópia e original), para a condição referida no item 3, alínea “b”
O material didático contém: um livro texto, acompanhado de DVD contendo as teleaulas gravadas, e um livro de atividades para subsidiar os estudos. 

POR QUE FAZER A PROVA DO PROITEC?

A prova do ProITEC será realizada no dia 16 de julho, das 13h às 17h, com prova de Língua Portuguesa, Matemática e Ética e Cidadania. 

A nota da prova não será contabilizada para dar acesso aos cursos do IFRN. No entanto, a avaliação ajuda a se preparar para o exame de seleção. O aluno que realizar a prova terá disponibilizado o Certificado de Participação no ProITEC 2017, a partir do dia 17 de outubro de 2017.

ALUNO DO INSTITUTO METRÓPOLE DIGITAL DA UFRN É CONVIDADO PARA TRABALHAR NA MICROSOFT

O jovem Lucas Pinheiro Otaviano André, de apenas 22 anos, aluno concluinte do Bacharelado em Tecnologia da Informação do Instituto Metrópole Digital (IMD/UFRN), foi convidado para trabalhar na Microsoft, na área de segurança de software, em Redmond, Washington (EUA).
Com muita timidez, Lucas Pinheiro agradece “primeiramente a Deus”, mas reconhece que para chegar a realizar seu sonho, foi preciso também de muitos anos de dedicação e estudo.

Lucas termina sua graduação (BTI) na UFRN neste semestre e já começa a trabalha em outubro.

ESTADO TERÁ DE INDENIZAR PRESOS, DECIDE SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL

BRASÍLIA – O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta quinta-feira, 16, que o Estado tem a obrigação de indenizar presos em razão de danos morais comprovadamente causados em decorrência da falta ou insuficiência das condições legais de encarceramento. A decisão foi unânime e tem repercussão geral, isto é, deve ter este entendimento estendido para julgamentos de casos semelhantes em diferentes instâncias. A única divergência foi sobre a forma de indenização a ser adotada – a escolhida pela maioria foi a pecuniária.
O caso analisado no plenário do STF é o de um presidiário, chamado Anderson Nunes da Silva, que dormia com a cabeça encostada em um vaso sanitário em um presídio do Mato Grosso do Sul. Ele alegava que o Estado do Mato Grosso do Sul, ao não garantir as condições dignas para o cumprimento da pena, estaria violando o princípio da dignidade humana, e, por isso, deveria ser responsabilizado. O presidiário levou um recurso ao STF contra uma decisão do Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso do Sul que entendeu que não cabia indenização por danos morais. O processo deu entrada no STF em 2008. Hoje ele está em regime de liberdade condicional.
Os ministros, indo além do caso em questão, reconheceram as falhas do Estado ao garantir condições dignas a presidiários em todo o País e votaram para que haja indenização. Ricardo Lewandowski não estava no julgamento. O ministro Celso de Mello, decano da Suprema Corte, em um longo voto, fez uma série de críticas ao Estado e reforçou o direito de não receber tratamento degradante quando submetido à custódia do Estado.
“O Estado tem permitido, em razão da sua própria indiferença e desinteresse, que se transgrida o direito básico do penitenciário de receber tratamento justo e adequado. Tratamento que não inclua a exposição a meios cruéis e moralmente degradantes. Como estes que foram revelados neste caso, em que o interno não tinha sequer espaço para dormir, encostando a sua cabeça num vaso sanitário. Este comportamento é desprezível, é inaceitável. E é necessário fazer, um dos mais expressivos fundamentos, que dão suporte ao Estado de Direito, que é a dignidade humana”, disse Celso de Mello.
“O Estado é também, ele em si, um transgressor das leis da república”, asseverou o ministro.
“Grande parte do que se tem de tratamento degradante decorre de um outro fator, que é o da corrupção que há nesses lugares”, disse a ministra Cármen Lúcia.
“Se a sociedade, quanto àqueles que cometerem desvio de conduta, quer sangue, o Estado não pode atender a essa demanda da sociedade, que é a justiça a ferro e fogo, como se o condenado não fosse um ser humano”, disse Marco Aurélio Mello.
Remissão. Apesar de concordar sobre a necessidade de indenização, os ministros Luís Roberto Barroso, Luiz Fux e Celso de Mello votaram para que houvesse a remissão (diminuição) de pena em função do mau tratamento aos presidiários, em vez do ressarcimento financeiro.
Barroso afirmou que, “diante do caráter estrutural e sistêmico das graves disfunções verificadas no sistema prisional brasileiro, a entrega de uma indenização em dinheiro confere uma resposta pouco efetiva aos danos morais suportados pelos detentos, além de drenar recursos escassos do Estado”.
Sete ministros, no entanto, votaram para que a compensação seja feita financeiramente, entre eles, Rosa Weber, Edson Fachin, Marco Aurélio Mello, Cármen Lúcia. Os votos dos ministros Gilmar Mendes e Teori Zavascki, morto em janeiro, já haviam sido computados, em 2015, quando o caso começou a ser julgado, ocasião em que a ministra Rosa Weber pediu vista. Apenas o ministro Ricardo Lewandowski, ausente na sessão, não votou.

A tese vencedora foi a de que: “Considerando que é dever do Estado, imposto pelo sistema normativo, manter em seus presídios os padrões mínimos de humanidade previstos no ordenamento jurídico, é de sua responsabilidade, nos termos do artigo 37, parágrafo 6º da Constituição, a obrigação de ressarcir os danos, inclusive morais, comprovadamente causados aos detentos em decorrência da falta ou insuficiência das condições legais de encarceramento”.

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

TEMER SANCIONA A LEI QUE ESTABELECE A REFORMA DO ENSINO MÉDIO

O Presidente da República, Michel Temer, sancionou nesta quinta-feira (16), em cerimônia no Palácio do Planalto, a lei que estabelece a reforma do ensino médio.
Por ter sido enviada ao Congresso por meio de uma medida provisória, a reforma tem força de lei desde a publicação no Diário Oficial, em setembro do ano passado. No entanto, ainda não vai ser colocada em prática. Isso porque a aplicação do novo modelo ainda depende da definição da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), que está sendo elaborada e deve ser homologada em 2017.
A reforma do ensino médio é considerada pelo governo como uma das mais importantes da gestão de Temer.
Em discurso, o ministro Mendonça Filho defendeu que a discussão acerca da reforma não começou no governo Temer, mas estendeu-se há 20 anos no Congresso Nacional. Segundo o ministro, faltava “vontade política” para dar seguimento à tramitação da “maior e mais importante reforma estrutural básica” do país.
“Não há discussão que se inaugurou, essa discussão remonta há 20 anos. Somente entre comissão especial e o início de tramitação de projeto, completa-se, nesse ano, cinco anos. Não existia vontade política de fazê-la passar. O quadro bastante crítico do ensino médio no Brasil compromete vida de jovens”, afirmou.
Ao falar após o ministro Mendonça Filho, o presidente Michel Temer afirmou que a implementação da reforma do ensino médio é fruto de coragem e ousadia por parte do governo.
“É interessante salientar que nos dias atuais mais do que coragem para governar, é preciso ousadia. Por isso que cumprimento a ousadia do ministro da educação ao dizer vamos fazer por meio de uma MP porque essa matéria está sendo debatida há mais de 20 anos no Congresso Nacional”, disse.
Temer afirmou que algumas das propostas enviados pelo governo ao Congresso, como a reforma do ensino médio, têm suscitado polêmica. Mas, segundo ele, são polêmicas "saudáveis".
“Temos mandado propostas que têm tido muita polêmica, e uma saudável polêmica, porque vivemos em um estado democrático. E no estado democrático o que mais se deve fazer é polemizar, porque a polêmica gera aperfeiçoamento”, ressaltou.
'Nós vamos prosseguir com essa ousadia', diz Temer

Veja os principais pontos da reforma:

O texto aprovado permite que as escolas possam escolher como vão ocupar 40% da carga horária dos três anos do ensino médio: 60% será composto de um conteúdo mínimo obrigatório, que será pela Base Nacional Curricular Comum (BNCC), ainda em debate. Já o restante do tempo será definido de acordo com a proposta da escola, que deverá oferecer aos estudantes pelo menos um de cinco "itinerários formativos":
  •     Linguagens e suas tecnologias
  •             Matemática e suas tecnologias
  •             Ciências da natureza e suas tecnologias
  •            Ciências humanas e sociais aplicadas
  •           Formação técnica e profissional

O ensino de português e de matemática será obrigatório nos três anos do ensino médio. Também será compulsório o ensino de inglês, artes, educação física, filosofia e sociologia.
Na versão original enviada pelo governo, a MP deixava claro que somente matemática e português seriam obrigatórios.
Isso gerou a principal polêmica em torno do texto. No Brasil, não existe uma lei que especifica todas as disciplinas que deveriam obrigatoriamente ser ensinadas na escola– esse documento será a BNCC.
Até então, a Lei de Diretrizes e Bases (LDB) só citava explicitamente, em trechos diversos, as disciplinas de português, matemática, artes, educação física, filosofia e sociologia como obrigatórias nos três anos do ensino médio.
Na versão original enviada pelo governo, a MP mudou isso, e retirou do texto as disciplinas de artes, educação física, filosofia e sociologia.
Desde que foi apresentada pelo governo, em setembro, a reforma se tornou alvo de protestos pelo país. Nos últimos meses de 2016, estudantes chegaram a ocupar escolas para se manifestar contra a MP.

Tempo integral

Outro objetivo da reforma é incentivar o aumento da carga horária para cumprir a meta 6 do Plano Nacional de Educação (PNE), que prevê que, até 2024, 50% das escolas e 25% das matrículas na educação básica (incluindo os ensinos infantil, fundamental e médio) estejam no ensino de tempo integral.

No ensino médio, a carga deve agora ser ampliada progressivamente até atingir 1,4 mil horas anuais. Atualmente, o total é de 800 horas por ano, de acordo com o MEC. No texto final, os senadores incluíram uma meta intermediária: no prazo máximo de 5 anos, todas as escolas de ensino médio do Brasil devem ter carga horária anual de pelo menos mil horas. Não há previsão de sanções para gestores que não cumprirem a meta.

VAQUEJADA VAI VIRAR ‘PATRIMÔNIO CULTURAL’

O deputado federal Kaio Maniçoba (PMDB) foi eleito, por unanimidade, como presidente da comissão especial instalada pela Câmara dos Deputados para analisar a proposta de emenda à Constituição (PEC 270/16) que classifica a vaquejada como patrimônio cultural. A PEC é de autoria do deputado Fernando Coutinho e a relatoria ficará por conta do deputado Paulo Azi.
“Vejo que a nossa cultura e tradição estão sendo levadas em conta, e vou trabalhar de forma determinada para que a prática da vaquejada seja, de fato, viabilizada em todo o país”, enfatiza Maniçoba.

A vaquejada é uma atividade esportiva festiva que pertence à cultura nordestina a mais de 100 anos. Além disso, vem gerando emprego e renda para as pessoas envolvidas em sua realização.

JOVEM COM DOWN CONQUISTA VAGA EM FACULDADE DE NATAL; 'TIREI DE LETRA'

O sorriso do estudante Gabriel Gomes, de 19 anos, que tem síndrome de Down, demonstra a alegria de ter conquistado a vaga no curso de Educação Física em uma universidade particular de Natal. “Tirei de letra. Eu tenho muita fé e sabia que ia conseguir”, comemora Gabriel, que sonha em ser técnico de futebol quando se formar.
Gabriel não teve correção diferenciada no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), e, na universidade, concorreu de igual para igual com todos os outros candidatos. “Ele apenas teve acompanhamento durante a aplicação da prova", disse a mãe do jovem, Márcia Gomes. Ela conta que a escolha do curso e a decisão de prestar o vestibular foram do estudante. “Desde o início do ano passado ele já começou falar que queria Educação Física”, conta.
Desde criança recebendo o incentivo da família para estudar, a dificuldade enfrentada pelo jovem estava em conseguir convencer os pais a deixá-lo raspar o cabelo. “Eu passei e quero raspar sim”, comemora Gabriel. Apaixonado pelo ABC e Grêmio, o jovem diz que ser técnico de futebol foi uma escolha natural, já que é fã do esporte. “Meu professor me inspirou. Eu já fiz futebol, futsal, judô, karatê, capoeira e natação”, conta, entusiasmado.
A rotina de estudos durante o ensino médio foi puxada. O próprio garoto conta que ia para a escola de manhã, fazia aulas complementares a tarde, e esportes no tempo livre. E mesmo com tantos afazeres, ainda tem tempo para namorar. "Minha namorada ainda não sabe que passei, mas vou contar a ela", diz Gabriel sobre contar a Mariana, namorada dele há oito anos. 
O estímulo dado para os estudos de Gabriel foi uma das provas do amor dos pais, que não mediram esforços para fazer com que as dificuldades fossem superadas, mesmo com limitações. “É um processo contínuo. Eu costumo dizer que é como andar de bicicleta, não podemos parar de pedalar”, disse o pai de Gabriel, Anailson Gomes. Os pais ainda brincam que na casa, não tem “moleza” para o garoto. “Sempre acreditamos no nosso filho e queremos que todos acreditem. Ninguém pode dar moleza a ele não”, explica.
Na escola, os pais dizem que o filho contou com a ajuda de professores e diretores, sem que passassem “a mão na cabeça”. Muitas vezes, o tempo de avaliação dele era maior que a de outros alunos. “Nosso papel é prepará-lo, fazer ele ser autossuficiente. É um sentimento indescritível”, diz Márcia.“Cada conquista é uma alegria, foram anos e anos de luta, nossa recompensa é diária com o Gabriel”, diz, emocionado, o pai orgulhoso.
Por enquanto, o passatempo de Gabriel é assistir televisão e jogar bola em casa, mas essa rotina está com os dias contados. A matrícula já foi feita e as aulas começam na próxima semana. "Estou muito empolgado, mamãe prometeu que iria botar uma mesinha de estudos no meu quarto", comemora o estudante.

  G1RN

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

SENADO APROVA PEC QUE REGULARIZA SITUAÇÃO DAS VAQUEJADAS

O Plenário do Senado aprovou nesta terça-feira (14) uma Proposta de Emenda à Constituição que permite a realização das vaquejadas, após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) contra a prática. O texto foi aprovado em dois turnos de votação pela ampla maioria dos senadores, que se revezaram para defender o esporte. Agora, a PEC segue para a Câmara dos Deputados.
A PEC 50/2016 muda o artigo 225 da Constituição, que trata do meio ambiente, para descaracterizar a prática de crueldade associada ao esporte. O texto foi apresentado em outubro de 2016, logo após a decisão do STF. No julgamento de ação do Ministério Público contra a lei que regulamentava as vaquejadas no Ceará, o relator, ministro Marco Aurélio, considerou haver “crueldade intrínseca” contra os animais.

De acordo com a PEC, não serão consideradas cruéis as práticas desportivas que utilizem animais, desde que sejam manifestações culturais previstas na Constituição e registradas como integrantes do patrimônio cultural brasileiro. A condição para isso é que sejam regulamentadas em lei específica que garanta o bem-estar dos animais.

TRÊS CARROS PARTICULARES SÃO INCENDIADOS NA ZONA SUL DE NATAL

Três carros particulares foram incendiados na madrugada desta quarta-feira (15) na Av. Amintas Barros, perto do Cemitério de Nova Descoberta, na Zona Sul de Natal. De acordo com o major Eduardo Franco, assessor de comunicação da Polícia Militar, a corporação trabalha com a possibilidade de um ato de vandalismo, mas não descarta que tenha acontecido um ataque criminoso.
De acordo com testemunhas, o fogo tomou grandes proporções, mas moradores da região conseguiram conter as chamas. Nenhum dos veículos tinha seguro. Um deles foi completamente consumido pelas chamas. Ninguém ficou ferido.
Ainda segundo o major, em todos os casos havia vestígios de uso de gasolina, o que sugere que os veículos foram incendiados de forma criminosa.
G1 RN


AGÊNCIAS DA CAIXA ABREM MAIS CEDO PARA TIRAR DÚVIDAS SOBRE SAQUE DO FGTS INATIVO

A Caixa Econômica Federal passou a abrir as agências duas horas mais cedo a partir de hoje (15), para atender aos beneficiários que queiram saber o saldo ou retirar dúvidas referentes ao saque do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Os saques serão realizados entre 10 de março e 14 de julho.
Para reforçar os atendimentos, a Caixa vai abrir as agências também nos primeiros sábados dos cronogramas mensais de pagamento (com exceção de abril, mês que a data coincide com a Semana Santa). As datas serão 18 de fevereiro, 11 de março, 13 de maio, 17 de junho e 15 de julho.
Quem não quiser ir até uma agência pode acessar o site o endereço www.caixa.gov.br/contasinativas ou ligar para 0800-726-2017, para que possam, de forma personalizada, saber valor, data e local mais convenientes para os saques. Os beneficiários também podem acessar o aplicativo FGTS para saber se têm saldo em contas inativas, mas é necessário lembrar que os saques só podem ser feitos em contas que foram desativadas até 31 de dezembro de 2015.
Os beneficiários terão quatro opções para recebimento dos valores. Quem tem conta-corrente na Caixa poderá pedir o recebimento do crédito em conta pela internet. Não há restrição de valores. Para quem tem poupança, o crédito em conta será feito automaticamente.
O saque também pode ser feito em caixas eletrônicos, desde que o valor não ultrapasse R$ 3 mil. Para valores até R$ 1,5 mil, é possível sacar o benefício apenas com a senha do Cartão do Cidadão. Para créditos até R$ 3 mil, o saque no caixa eletrônico deve ser feito com o Cartão do Cidadão e a respectiva senha.
A retirada do FGTS inativo também pode ser feita em agências lotéricas e correspondentes Caixa Aqui, com a apresentação do Cartão Cidadão, a senha e um documento de identificação. O valor máximo de saque está limitado em R$ 3 mil.
Por último, o cidadão também pode retirar o dinheiro diretamente nas agências bancárias. Os documentos necessários são o número de inscrição do PIS e o documento de identificação do trabalhador. É recomendado levar também o comprovante da extinção do vínculo (carteira de trabalho ou termo de rescisão do contrato de trabalho).
Beneficiários nascidos nos meses de janeiro e fevereiro poderão procurar as agências da Caixa de 10 de março a 9 de abril. Quem nasceu em março, abril e maio vai sacar o dinheiro entre 10 de abril e 11 de maio. Trabalhadores nascidos nos meses de junho, julho e agosto vão receber entre os dias 12 de maio e 15 de junho; nascidos em setembro, outubro e novembro, de 16 de junho a 13 de julho; e nascidos em dezembro, de 14 a 31 de julho.


terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

MATRICULAS ABERTAS PARA CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL EM CEARÁ-MIRIM

A secretaria estadual de educação e cultura abre nesta quarta-feira, dia 14, o processo de matrícula para educação profissional técnica de nível médio, na forma articulada integrada ao ensino médio, em 07 centros estaduais de educação profissional.
Para Ceara-Mirim as vagas são para Técnico em Administração e Técnico em Sistema de Energias Renováveis.  
 O estudante realiza a inscrição no site do SIGEDUC: www.sigeduc.rn.gov.br no período de 14 á 17/02.


PRF PRENDE LÍDER DE FACÇÃO CRIMINOSA NO RN

Na noite dessa segunda-feira (13) a Polícia Rodoviária Federal prendeu um homem suspeito de ser um dos líderes de uma facção criminosa que atua no Rio Grande do Norte. Ele era foragido do presídio de Caicó desde 2016.
A prisão ocorreu em Assu/RN, quando homens da PRF patrulhavam a região e, por volta das 20h40, deram ordem de parada a um Fiat Línea branco que passava no km 112 da BR-304. O motorista do carro era um homem de 31 anos. Ele apresentou uma identidade falsa aos PRFs e, ao perceber que os policiais desconfiavam da veracidade do documento, o homem correu para o matagal próximo da rodovia, tentando abrigo no escuro. Os PRFs conseguiram impedi-lo e descobriram sua verdadeira identidade, que mostrava ser um criminoso foragido e responsável por diversos crimes, como tráfico de drogas e homicídios, inclusive o assassinato de um policial militar em Mossoró.
Também foi presa a passageira que estava com ele. Eles foram levados para a delegacia da Polícia Civil em Mossoró, com celulares, relógios e R$ 1.344,00 encontrados no interior do veículo.

Assessoria de Comunicação Social da PRF no RN

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

CRISE ECONÔMICA LEVA MEIO MILHÃO DE FAMÍLIAS DE VOLTA AO BOLSA FAMÍLIA


Pouco mais de um ano foi o tempo suficiente para Rosimaria Rodrigues de Santana Amorim deixar o programa Bolsa Família. Há quase uma década, ela deu “baixa” no cartão porque conseguiu emprego como auxiliar de serviços gerais.
O marido, Wagner Amorim, também passou a trabalhar de ajudante de pedreiro com carteira assinada. A renda do casal que mora em Planaltina de Goiás, mais conhecida como “Brasilinha” devido à proximidade de 60 km com a capital federal, permitiu financiar uma casa popular, comprar móveis modestos, ter eletrodomésticos e fazer um agrado vez por outra para os dois filhos, que adoram pizza e sonham com um tablet.
Após o nascimento do mais novo, Enzo, de três anos, que tem crises de asma e fica frequentemente internado, Rosimaria saiu do emprego para cuidar do menino. O setor de construção e reforma ainda estava em alta e o salário do marido, em torno de R$ 1 mil, era suficiente para as necessidades da casa. Em 2014, porém, a firma onde Wagner trabalhava fechou. A família continuou vivendo dos bicos que ele arranjava com frequência. Mas, no fim do ano passado, até os serviços temporários sumiram. O jeito foi recorrer novamente ao Bolsa Família.

Apesar da perplexidade, Rosimaria não está sozinha. No Brasil, mais de meio milhão de famílias que haviam saído do Bolsa Família até 2011 reingressaram no programa apenas no ano passado. Foram, mais exatamente, 519.568 retornos em 2016. O número é superior ao de 2015, quando houve o primeiro salto, com a reinclusão de 423.668 famílias. Antes disso, o movimento de volta ao programa era bem menos intenso: 104.704 famílias em 2014, 186.761 em 2013 e 164.973 em 2012, segundo dados inéditos do Ministério do Desenvolvimento Social obtidos pelo GLOBO.

O GLOBO

EMPARN PREVÊ MAIS CHUVAS PARA A SEMANA

Os meteorologistas da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN) estão prevendo mais chuvas a partir de quarta-feira e, principalmente, no próximo fim de semana. Para hoje (segunda) e amanhã (terça), as chuvas vão diminuir de intensidade por conta da atuação de um Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN).
O gerente de meteorologia da EMPARN, Gilmar Bristot, com base nas imagens do satélite, adianta que há forte tendência de chuvas no sertão do Nordeste, nesta semana, por conta da atuação da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT).
Por enquanto, em virtude de uma alta pressão no Atlântico Sul, a ZCIT foi afastada mais para o Norte do País e, por conta disso hoje e amanhã as chuvas serão em menor quantidade. Mesmo assim, as condições de instabilidade sobre o Nordeste vão continuar provocando chuvas em várias regiões do Nordeste, como no último fim de semana.


CHUVAS
No último fim de semana, de sexta-feira (10) até a manhã de hoje (13), a meteorologia da EMPARN registrou chuvas em 72 dos pluviômetros monitorados diariamente. Os registros vindos do interior dão conta de transbordamentos (sangrias) em diversos açudes, principalmente no Oeste e no Seridó.
No Oeste, choveu mais forte, no acumulado de três dias, em Umarizal, 216 milímetros (mm); Mossoró, 198,2mm; Viçosa, 164,2mm; Tibau, 161,8mm; Campo Grande, 160,6mm; Areia Branca, 123mm; Messias Targino, 120,0mm; Rodolfo Fernandes, 116 mm; Apodi, 108,8mm; Grossos, 96,6mm e Pilões, 86,2mm. Choveu ainda em Porto do Mangue; Severiano Melo, Major Sales, São Rafael, entre outros municípios.
Na mesorregião Central, choveu mais forte em Santana do Matos, 124,7 milímetros; São João do Sabugi, 120mm; Acari, 116mm; Cruzeta, 107,9 mm; Jardim do Seridó, 101,0mm; Parelhas, 90,0mm e São Bento do Norte, 62,0mm. Choveu ainda em Ouro Branco, Lajes, São Vicente, Jardim de Piranhas, Cerro Corá, Carnaúba dos Dantas, Timbaúba dos Batistas, São Fernando, Guamaré, Fernando Pedroza, e Florânia.
Na mesorregião Agreste, choveu mais forte em João Câmara, 167,0mm; Parazinho, 47,0mm Sitio Novo, 38,0mm e Boa Saúde, 26,0mm. Choveu ainda em São Bento do Trairi, Japi, Barcelona, Rui Barbosa e Santo Antonio. Na região Leste choveu em Parnamirim, 33,7mm; Espirito Santo, 15,7mm e São Gonçalo do Amarante, 6,3mm.


CRIMINOSOS ESTÃO CLONANDO CONTAS DE WHATSAPP PARA PEDIR DINHEIRO AOS SEUS CONTATOS

Sua conta do WhatsApp pode ser clonada por criminosos para roubar dinheiro de amigos e parentes. Um golpe divulgado recentemente conta com a ajuda de funcionários de operadoras, que transferem seu número de celular para outro chip e permitem que o aplicativo de mensagens seja ativado em outro aparelho. De posse da sua conta, criminosos se passam por você para pedir dinheiro a contatos próximos.
O golpe foi divulgado nesse domingo (12) pelo Fantástico, mas vem sendo aplicado há bastante tempo. Em julho de 2016, um funcionário da Vivo foi preso em flagrante no Maranhão depois de ter sido pego desativando os celulares das vítimas e habilitando as linhas em chips em poder dos criminosos. Na semana passada, dez pessoas de Porto Alegre procuraram a polícia para denunciar o esquema.
Na prática, é como se você fosse a uma loja da sua operadora dizendo que precisa trocar seu chip, mas manter o número. Sua linha, então, sai do ar e vai para o aparelho do golpista, que consegue entrar na sua conta do WhatsApp. Enquanto você não percebe nada de errado, o criminoso envia mensagens para pais, amigos ou até secretárias, se passando por você — em um dos casos, um empresário teve prejuízo de R$ 100 mil depois que sua secretária transferiu dinheiro e até pagou contas de criminosos.
Não é muito difícil perceber que seu WhatsApp foi clonado. Para que sua linha seja transferida temporariamente para o chip de um golpista, você ficará sem sinal no chip atual. E, enquanto estiver usando o smartphone, o aplicativo de mensagens pedirá que você verifique seu número de celular novamente, como se tivesse reinstalado o WhatsApp — no entanto, como você está sem sinal, não conseguirá receber o SMS de verificação e ficará impossibilitado de se comunicar.

Também é simples se proteger: na quinta-feira (9), o WhatsApp liberou para todos os usuários um recurso de verificação em duas etapas. Com a proteção ativada, caso você (ou um golpista) ative seu WhatsApp em outro celular, precisará, além do SMS de verificação (que poderia ser interceptado ou desviado para outro chip), uma senha de 6 dígitos que só você possui. É melhor se precaver.

POLÍCIA CIVIL PRENDE IRMÃOS SUSPEITOS DE ROUBO DE CARROS NO RN

Agentes da Delegacia Especializada em Defesa e Propriedade de Veículos (Deprov) prenderam na manhã desta segunda-feira (13) dois homens suspeitos de integrarem uma quadrilha que roubava carros no Rio Grande do Norte.
De acordo com a Polícia Civil, foram encontradas armas, munições e celulares com os homens.
Ainda de acordo com a PC, os suspeitos são irmãos e foram presos em casa, na Grande Natal. O mais novo, de 30 anos, já possuía mandado de prisão em aberto. O outro, de 33 anos, foi preso em flagrante por posse e receptação de arma de fogo.


POLÍCIA FEDERAL DESTRÓI 48 MIL PÉS DE MACONHA NO SERTÃO PERNAMBUCANO

images-cms-image-000533766A Polícia Federal (PF) destruiu 48 mil pés de maconha e 53 mil mudas da planta em ilhas da União, localizadas no Rio São Francisco. A Operação Carcará Branco foi deflagrada na semana passada, mas o resultado foi divulgado nesse domingo (12). De acordo com a PF, ninguém foi preso.

Segundo nota divulgada pela assessoria de comunicação da Polícia Federal em Pernambuco, como as ilhas, localizadas nos municípios de Orocó, Cabrobó e Ibó, são pertencentes à União, os produtores se aproveitariam desse fato para plantar – assim, não há proprietário a ser incriminado.

RESULTADO DO FIES É LIBERADO HOJE PELO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

Resultado de imagem para Fies 2017O resultado do processo seletivo do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) para o primeiro semestre de 2017 será divulgado hoje (13). Os estudantes poderão consultar a lista dos candidatos pré-selecionados na chamada regular, bem como a lista de espera, no site do programa e na instituição em que fez a inscrição. Nesta edição, são ofertados 150 mil financiamentos.
Os estudantes classificados com base no número de vagas do curso serão pré–selecionados na chamada única. Os demais, não pré–selecionados, serão automaticamente incluídos em lista de espera.
A partir de amanhã (14), até o dia 20, os estudantes da chamada única deverão concluir a inscrição no SisFies. Para os que ficaram na lista de espera, o prazo para concluir a inscrição é o dia 3 de março.
O Fies oferece financiamento a estudantes em cursos de instituições privadas de ensino superior. A taxa efetiva de juros do programa é de 6,5% ao ano. O percentual de financiamento é definido de acordo com o comprometimento da renda familiar mensal bruta per capita do estudante. O candidato deve ter renda familiar mensal de até três salários mínimos por pessoa.
Neste semestre, o governo reduziu o teto do financiamento aos estudantes. O limite mensal do Fies passou de R$ 7 mil para R$ 5 mil.
A oferta de vagas do programa dá prioridade aos cursos de engenharias, formação de professores e áreas de saúde. Além das áreas prioritárias, o programa valoriza os cursos com melhores índices de qualidade em avaliações do Ministério da Educação.

Para participar é preciso ter tirado pelo menos 450 pontos na média das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e não ter zerado a redação.

domingo, 12 de fevereiro de 2017

POLICIAIS MILITARES PASSAM MAL APÓS JANTAR EM ALCAÇUZ

Oito policiais militares passam mal após o jantar em AlcaçuzOito policiais militares lotados na companhia de guarda de presídios passaram mal após ingerir alimentos durante o jantar na noite deste sábado (11), no presídio Estadual de Alcaçuz. As vítimas foram socorridas para a unidade básica de saúde de Pirangí onde foram submetidos a procedimentos de desintoxicação.
De acordo com o presidente da Associação dos Cabos e Soldados do Rio Grande do Norte, Roberto Campos essa não é a primeira vez que acontece problemas com a alimentação dos policiais em unidades prisionais. “Nunca houve preocupação por parte dos gestores responsáveis com a alimentação dos policiais em serviço. O café da manhã, o almoço e o jantar são feitos pelos próprios presos o que se torna sempre um risco iminente”, declarou.
Após o ocorrido todos os policiais que passaram mal foram socorridos e medicados porém deverão ficar em observação durante o tempo determinado pela orientação médica.

HORÁRIO DE VERÃO TERMINA PRÓXIMO DOMINGO


O horário de verão acaba no próximo domingo (19), a partir da 0h, quando os relógios devem ser atrasados em uma hora nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste.

A medida, em vigor desde outubro, tem como objetivo aproveitar melhor a luz solar durante o período do verão, além de estimular o uso consciente da energia elétrica.

ANDERSON SILVA SUPERA BRUNSON E VOLTA A VENCER APÓS MAIS DE 4 ANOS

Anderson Silva voltou a ser soberano no octógono e venceu o norte-americano Derek Brunson no UFC 208, em Nova York, na madrugada deste domingo (12). O ex-campeão finalmente encerra jejum de triunfos que já durava mais de quatro anos.
Spider apostou no apoio familiar na entrada para a arena e até substituiu sua música de entrada tradicional, “Ain’t No Sunshine”, de DMX, por “Doom”, de seu filho Kalyl Silva. O brasileiro caminhou o percurso dos vestiários até o cage acompanhado por dois herdeiros. A torcida estava com Anderson e o incentivou desde então até o final do combate.
No octógono, a primeira surpresa foi a mudança de estilo de Brunson: normalmente impetuoso, o norte-americano estudou a luta nos primeiros movimentos, em sinal de respeito à lenda e para evitar o melhor do jogo de Anderson Silva, justamente os contragolpes. Foram cinco minutos de trocação intensa em um round equilibrado. Silva destacou-se em dois cruzados de direita, e o adversário em sequência de golpes no clinch.
Anderson se soltou no segundo período: abaixou a guarda, gingou capoeira e encaixou bons golpes. Em dado momento, conectou soco rodado e chute no tronco de Derek, que respondeu com queda. O brasileiro se levantou rápido. Na trocação, mostrou superioridade. O último assalto começou com mais uma tentativa de queda de Brunson, novamente frustrada: Spider pareceu mais afiado do que nunca na defesa de ataques às pernas.
Finalmente, a um minuto e meio do fim do duelo, Derek conseguiu a queda e se manteu por cima, pouco ativo, até o gongo final.
Antes desta, a última vitória de Spider havia ocorrido em outubro de 2012, contra Stephan Bonnar. Desde então foi derrotado duas vezes por Chris Weidman (na primeira perdeu o cinturão e na segunda sofreu grave lesão), teve resultado de luta contra Nick Diaz anulado por uso de doping e perdeu para Michael Bisping e Daniel Cormier. O mau momento teve fim com apresentação convincente.
Anderson é um dos maiores nomes da história do MMA e já avisou que não encerrará sua carreira antes de cumprir todo o contrato com o UFC, apesar dos 41 anos. Campeão dos médios por quase sete anos consecutivos, posiciona-se agora para voltar a disputar o título da categoria: o atual dono do cinturão é o britânico Michael Bisping.



Blogger Ielmo Marinho em FOCO. Tecnologia do Blogger.